fbpx
ContabilidadeGestão

Antecipação de recebíveis: o que é e como fazer?

gestão de recebíveis

A antecipação de recebíveis tem sido uma solução utilizada por diversos empreendedores que estão com seus negócios estagnados ou com dívidas. A opção surge como uma solução que pode auxiliar as empresas a terem capital de giro e uma pequena remuneração de forma rápida.

Será que a antecipação de recebíveis é a solução que o seu negócio precisa no momento? Conheça a estratégia e saiba como utilizá-la, caso seja necessário.

O que é antecipação de recebíveis?

A antecipação de recebíveis é o adiantamento de valores que a empresa só receberia no futuro. Isso quer dizer que tanto em vendas a prazo, no boleto com vencimento distante e parceladas, a empresa pode receber todos os valores antes mesmo de serem cobrados do cliente, descontando um pequeno percentual.

Vamos a um exemplo prático. Marta tem uma empresa de cortinas feitas à mão. São cortinas produzidas para um público bem selecionado e, por isso, têm um custo elevado. Os clientes de Marta costumam fazer as compras parceladas e, normalmente, o número mínimo de parcelas é 5. Ou seja, Marta receberá por seus produtos apenas após o quinto mês da venda.

Em contrapartida, Marta precisa pagar suas funcionárias e os materiais usados na produção. Com a antecipação de recebíveis, a empresária pode ter todo o valor da venda antecipado, antes de ser cobrado do cliente.

A antecipação de recebíveis é uma solução adequada para empresários como Marta, que estão com caixa baixo ou dívidas e precisam de dinheiro rápido, mas sem fazer empréstimo ao banco.

Qual a diferença entre a antecipação de recebíveis e o empréstimo?

Ao fazer um empréstimo, o empresário estará solicitando ao banco ou financeira um dinheiro que não é dele. Pouco tempo depois, ele terá que pagar essa dívida com juros, que acaba tornando o valor bem maior do que o recebido pelo empresário.

Na antecipação de recebíveis o empresário tem o adiantamento de um valor que já seria dele por direito.

Como solicitar uma antecipação de recebíveis?

A antecipação de recebíveis é indicada para empresas que não têm capital de giro suficiente para cumprir com suas obrigações diárias. Dessa forma, a empresa consegue arcar com suas despesas mais urgentes. Para fazer a antecipação de recebíveis sua empresa deve:

1. Procurar uma financeira que oferece o serviço: não são todas as financeiras que oferecem esse serviço, além disso, cada uma conta com critérios específicos para conceder o crédito. A antecipação de recebíveis pode ser feita de três formas: por bancos, FIDCs (Fundo de Investimento em Direitos Creditórios) e factorings. 

  • Bancos costuma ter taxas mais competitivas, porém maior burocracia;
  • FIDCs costumam ter taxas menores, o recebimento é mais rápido e isento de IOF;
  • Factoring tem as maiores taxas, mas é menos burocrática.

2. Analise as taxas de juros: assim como os critérios variam, as taxas de juros cobradas também são diferentes entre uma empresa e outra. Mapeie as condições que cada financeira oferece e opte por aquela com mais benefícios.

3. Histórico e solidez da empresa: as financeiras avaliam o histórico do cliente e a solidez da empresa, antes de conceder a antecipação. O objetivo é checar se não há casos de inadimplência ou restrições no nome do cliente.

Antes de fechar qualquer antecipação de recebíveis, tenha bem claro qual é o objetivo do dinheiro. Não ter essa definição pode colocar sua empresa em uma situação pior do que a que se encontra. Na dúvida, busque a orientação de um profissional especializado. A RRW pode te ajudar, entre em contato!

Walter Parreiras

Autor Walter Parreiras

Walter Parreiras é sócio-fundador da RRW Contabilidade, Consultoria e Auditoria, bacharel em Ciências Contábeis pelo Centro Universitário Newton Paiva e especialista em Contabilidade das Sociedades Cooperativas pela Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG.

Mais posts de Walter Parreiras

Deixe uma resposta